Múcio Rodrigues

Múcio Rodrigues

Autobiografia

Múcio Rodrigues Barbosa de Aguiar Júnior, pernambucano da cidade de Olinda, nascido em 25 de dezembro de 1969.
Filho de Roselite Bezerra Barbosa de Aguiar e Múcio Rodrigues Barbosa de Aguiar.

Começou compondo uma marchinha de carnaval em 2017.
Hoje tem mais de 50 músicas escritas e muitas delas já estão gravadas.
Sempre que pode, escreve a letra e compõe a música.

Composições:

Frevos:

• Camafeu do amor (Frevo de Bloco);
• Conquistando novos amores (Frevo Canção - Homenagem ao Homem Da meia-noite);
• Deixa acontecer (Frevo Canção);
• Farofa da paixão (Frevo de Bloco);
• Felicidade (Frevo Canção);
• Flor da pedra (Frevo de Bloco);
• Frevo orquestração (Frevo Canção);
• Mãe não se esquece (Frevo Canção);
• Memorável Recife (Frevo Canção);
• O galo galanteador (Frevo Canção - Homenagem ao Galo da Madrugada);
• O galo e Zé Pereira (Frevo Canção - Segunda Homenagem ao Galo da Madrugada);
• Olhos encantados (Frevo de Bloco);
• Os Embalos Do Frevo (Frevo Canção);
• O tabuleiro das flores (Frevo de Bloco);
• Pernambucanamente folião (Frevo Canção);
• Só com você (Frevo Canção);
• Virgínia (Frevo Canção);
• Vou no passo do Bonde (Frevo de Bloco).

Sambas:

• A bica chorona (Samba Canção);
• Arco-íris lilás (Samba Canção);
• As Fêmeas Magias (Samba Canção);
• As rosas falam (Samba Canção);
• Isso é amor (Samba Canção);
• Maresia (Samba Canção);
• Meu coração marmorizou (Samba Canção);
• Nossas Brigas (Samba Canção);
• O amparo que o samba lhe traz (Samba Canção);
• O Medo de Amar (Samba Canção).

Forró:

• Engrossando a canjica;
• Forró pra miss;
• Forró itinerante;
• Menina;
• Meu Picuí;
• Procurando Você;
• Requebra;
• Virado na Brucuta;
• Zé cantador.

Maracatu:

• A Riqueza do céu. (Maracatu de Baque Solto).

Ciranda:

• A Ciranda da paz.

Pretende continuar compondo: cria a letra, a melodia e encaminha para ser musicalizada. Se sente empreendedor.

Cadastra a letra na Biblioteca Central do Recife, que encaminha ao Rio de Janeiro para averbar os direitos autorais.
Protocola a obra na UBC onde cria o Fonograma.

Já apareceram alguns parceiros, mas só concluiu mesmo algum trabalho com Antônio Vanderlei, Hamilton Florentino, Júnior Vieira e Lúcio Sócrates até o momento.

Faz alguns agradecimento aos amigos da Junta Comercial do Estado de Pernambuco - JUCEPE, ao Ilustre Maestro Ricardo Diniz, que o convidou para fazer parte do Coral da Policia Civil do Estado de Pernambuco e Arte Sol Maior, que é um conservatório de música; ao Maestro Lúcio Sócrates; além dos parceiros Hamilton Florentino e o Júnior Vieira; ao radialista e apresentador Evandi Pedrosa do programa O Som do Forró que divulga parte do trabalho produzido; Aos irmãos e irmãs e sua esposa Virgínia, inspiração para o Frevo Virgínia em sua homenagem. Enfim, agradece a todos que contribuíram e contribuem com o aprendizado musical.

Pesquisa:

Múcio Rodrigues
Arlequim